Home
Newsletter Cibersegurança
NOVEMBRO 2019

Sabia que... 81% das violações de dados são causadas por senhas comprometidas, fracas e reutilizadas?

Entre os diversos meios e técnicas usadas pelos atacantes para aceder a passwords encontra-se:

O método tentativa por adivinhação

A captura durante a navegação na rede

O acesso direto aos arquivos onde estão armazenadas as credenciais

O uso de técnicas de engenharia social

A observação por via da movimentação do teclado ou de cliques em ratos de teclados virtuais

Eis o que deve fazer para não ser alvo deste ataque:

1. Evite erros genéricos e crie passwords fortes

Evite usar informações ligadas a si (nomes próprios, datas comemorativas e gostos pessoais) e palavras ou expressões incluídas em dicionários

Não partilhe passwords com terceiros nem envie emails com este tipo de informação

Evite o registo público das passwords, ainda que não esteja nas imediações dos seus dispositivos

Crie passwords robustas e de acordo com a política de segurança, utilize um elevado número de caracteres que combine letras maiúsculas, minúsculas e números com caracteres especiais

2. Minimize a probabilidade de roubo de credenciais

Recorra à autenticação multifator, via sms ou aplicação, sempre que possível

Evite reutilizar ou usar variações da mesma password

Não grave passwords em formulários de autenticação que pertençam aos navegadores de Internet

Crie senhas e questões de segurança diferentes para cada site, serviço ou conta

Recorra a informação não verídica em perguntas relacionadas com o reset de passwords

Mantenha as suas passwords e dispositivos atualizados e tenha ativo o sistema de antivírus

3. Resolva os problemas da memorização e gestão de passwords

Utilize gestores de passwords para gerar senhas aleatórias, extensas e complexas, armazenando depois as credenciais de forma segura